…O IRMÃO CAIM.

Li há pouco sobre Caim e Abel. Que história triste.
A mais triste primeira história entre humanos dominados pelo pecado, do mundo.
E Caim se voltou contra o seu irmão.
Na covardia, como lhe era bem peculiar.
Caim é covarde.
Age pelas costas e nas sombras.

Até hoje tem discípulos de Caim.
Até hoje tem o “irmão Caim”…
Mas este, é certo, só é irmão na raça.
Nunca, na fé.
Pois, pelos “frutos, os conhecereis”…
E os frutos de Caim, têm raízes e seiva com veneno de víbora.
É isso o que, finalmente, ele oferece.
E Deus sabe e vê.
E dele não se agrada.

O pior das piores coisas de Caim, é que ele se aproveita do que é digno de uma pessoa; do ser humano, para agir pelas costas: Caim se aproveita da confiança que seu irmão Abel até então tinha nele, pois Abel achava que Caim era alguém digno da sua confiança.

Caim chamou Abel para irem ao campo e Abel foi, pois nunca pensava que Caim – o que premeditara tudo, o que pensara em tudo para aniquilá-lo, fosse capaz de sordidamente fazer.
Covardemente agir.

Outro dos piores dos piores em Caim, é que ele faz por causa de Deus!
Não que Deus… ‘causou’.
Foi de Caim, o Ruim, mesmo.

Mas, saibam ou lembrem: Caim foi ao culto antes daquele dia contra Abel.
Caim se prostrou, pelo menos fisicamente, diante do mesmo Deus.

Em ambiente de louvores, na Presença de Deus, ele não teve a atitude de um adorador. Só levou ‘alguma coisa para oferecer e tá bom, uns vegetais e frutas, vai’, porque poderia pegar mal; os outros poderiam reparar nisso”…

Ele só foi ao local.
Com ele e da parte dele, não houve culto.

Caim só se prostrava diante de Deus fisicamente.
Ele só se curvava era diante dele mesmo!
De suas vontades tantas e de seus caprichos, todos.
Caim oferece… sem dar o melhor: o coração com atitudes de servo e de serviço, santos (ver, Miquéias 6.7,8; Deuteronômio 10.12,13).

Caim queria estar ligado a Deus, mas por interesses próprios: “vejam todos (até Deus!) eu vim ao culto, mas por mim mesmo! Tenho interesses todos, até ligados a Deus, mas no final das contas e, afinal… eu sou!
Eu sou Caim”
…Eu quero agora, por mim,
…Eu quero mostrar a todos que… é do meu jeito!
…Eu gosto de posição e de destaque!
Eu gosto de estar à frente e de comandar.
Eu gosto de ser… Ser Caim!

Caim gosta do supremo.
Mas esse supremo não é O Supremo, pois com Este, o Senhor, ele nem se relaciona de todo o coração, alma e entendimento.
O supremo é ele.

Aí, tem Abel!

E Abel é agradável a Deus!
Deus se agrada de Abel, de sua Atitude: limpo, honesto, íntegro… que oferece o melhor que tem a Deus (não, não é a ovelha melhor do rebanho. Esta ovelha oferecida é reflexo do que ele é e tem: o melhor no coração, é para Deus, em adoração!)

“Eu não suporto isso”, pensa e agirá Caim.
E todos os cains, por conseguinte.
…”Se tem alguém de quem “Deus tem a obrigação” de colocar em destaque na história toda, esse sou eu!
Eu sou Caim.

Caim não louva. Só canta.
Caim não cultua. Só vai ao encontro religioso, no máximo.
Caim não gosta mesmo de estar na Presença de Deus.
Quer estar no local de culto, para depois, quem sabe, dar um showzinho particular de pieguice tola.

Caim matou Abel.
Mas Abel não morreu!

Não morreu na História que vale e que conta e é contada até hoje, pois até hoje falamos dele e de sua história de vida e de fé!
Não morreu, na lembrança dos seus;
Não morreu como exemplo de dedicação que adora ao Criador.

Abel, foi para Casa!
E quanto à Caim?
Foi… por aí…

Este ficou por aí, pra lá e pra cá…
Fugindo,
…Tendo que explicar o inexplicável,
justificar-se, esquivando-se…
Se brincar, Caim era até capaz de culpar Abel, por tudo!

Esse é Caim, o imperador de Enoque, um lugar que ele fundou [e deve ter se afundado por lá – Gn 4.17]!

Caim, depois da besteira que fez, foi para Node.
E sabe o que significa “Node”?
“Andar pelo mundo”;
É só isso, no final, Caim: andar, por aí.
E cansar,
E envelhecer,
Continuar só gerando descendentes, tantos deles, terríveis como seu pai…
E morrer.
E ser lembrado como… Caim.
Ô nome imprestável, de uma pessoa imprestável.

E esse é e será o destino de todos os cains.
O de ‘só ficarem’, no final, ‘vagando por aí’.

Caim ou Abel, a quem você segue e imita, na prática?
Pois o que a sua prática – mais do que as suas ‘doces e meigas’ palavras, dizem,
…revela tudo!

Curso AnteriorPAIS BAJULADORES DE SEUS FILHOS SÃO, POR CONSEGUINTE, OS SEUS MAIORES INIMIGOS.
Próximo Curso#01. Treine a sua filha para que ela seja uma boa menina. E uma menina boa.